You are currently browsing the monthly archive for julho 2010.

Quem foi ao cinema assistir Toy Story 3 com certeza assistiu o mais recente curta da Pixar, com o nome de Day & Night. Teddy Newton retratou muito bem o dia e a noite reunidos em dois personagens bem simpáticos.

http://vimeo.com/14108792

Samuel Cockedey é especialista em vídeos de lapsos do tempo. No outono do ano passado ele fez um vídeo incrível no Japão:

Agora Samuel voltou com um novo vídeo chamado Floating Point, que explora os principais pontos de Tokyo como Rainbow Bridge, Ikebukuro and Shinagawa.

O Studio Jelly juntamente com Aaron Rayburn criaram uma instalação bem interessante chamada Over It. Através de fios coloridos espalhados por todo ambiente, e em torno de um conjunto de letras, a impressão que dá é que a tipografia esta literamente saltando da parede.

Para você que é curioso como eu e sempre se perguntou como seria ver raios em slow motion, Tom Warner recentemente capturou algumas imagens incríveis em Rapid City em Dakota do Sul. Ele capturou mais de 9.000 imagens por segundo e 1,5 minutos em vídeo que dura apenas 2 segundos em tempo real.

Este vídeo mostra vários flashes de relâmpago voando acima de diferentes torres. Primeiro, um flash terreno positivo dispara flashes baixo para cima de sete torres distintas, das quais podemos ver apenas três no clipe.

O vídeo realmente é incrível e esta todo em slow motion.

A agência Publicis Mojo de Sydney criou este belo filme para a bebida energética Burn da Coca-Cola. Dirigido por Garth Davis e produzido pela Exit Films, foi rodado na Cidade do México.

No filme Steve Berra (The Berrics) junta-se a skatistas mexicanos como Jesus Gonzalez, Eder Martinez, Mario Saenz, Angel Santiago e o skatista americano Luis Tolentino.

Este filme foi criado ao lado de dois curtas, um apresenta Jess  Kimura e todas as meninas do snowboarding da coletiva Peep Show, o outro é um retrato que celebra as letras  e a arte do rapper Julius Wright, aka Lyrical God.

http://vimeo.com/13671577

Andrew Kupresanin criou a câmera Nadia, um dispositivo que tem uma função muito singular, ela apresenta uma porcentagem na tela ao invés de uma imagem. A câmera calcula o jogo de luz, contraste e outros detalhes para você conseguir tirar a melhor foto possível.

Para os fãs de Star Wars, surgi mais um acessório, dessa vez são as luzes no formato clássico das lightsabers.

Cada luz na parede possui 27 centímetros de altura e tem diodos emissores de luz dentro da lâmina do sabre e que podem produzir sete efeitos diferentes de cores. Além disso, cada luz possui um controle remoto para que você possa delisgá-lo a distância.

As luzes funcionam com 5 baterias AAA, mas desde que elas usam LEDs, as baterias devem durar um bom tempo. Você pode pré-encomendar seu jogo de luzes com controle remoto no Star Wars Shop agora por apenas 29,99 dólares. Eles começam a distribuição em agosto, mas acho que a entrega para o Brasil demorará um pouco para acontecer.

Em tempos de pós copa, alguns jogos relacionados a futebol começam a ganhar mais força e visibilidade, como o pebolim ou também conhecido como totó.

Esta luxuosa mesa de pebolim foi criada em aço, alumínio e vidro e pode ser adquirido pelo preço de 20 mil dólares e foi batizado de “Futebol Minimalista de Luxo”

O artista James Hopkins gosta de modificar os objetos do cotidiano e da cultura popular e transformar esses objetos em personagens conhecidos. Utilizando a perspectiva ele consegue oferecer esculturas como o Mickey ou Simpsons.

O duo Guerra de la Paz, composto por Alain Guerra e Neraldo de La Paz, pegaram algumas roupas velhas e usadas decidiram reciclar todas, mas de uma forma diferente. Eles transformaram essas roupas em obras de arte.

O que você viu

julho 2010
D S T Q Q S S
« jun   ago »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Twitter

RSS Duas Perdidas

  • Instagram.me 05/04/2012
    Sobre a poesia que a gente vive. Tem muita gente xarope que fala mal do Instagram, das fotos que ficam todas iguais, que parecem antigas, que é pastiche e nanan. Falaram que o Photoshop acabaria com a verdade e sentimento da fotografia, e ele tá aí né minha gente! Pensar o cotidiano em fotografias, em […]
    duasperdidas

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 5 outros seguidores